Tratamentos eficazes para transtorno de ansiedade generalizada

0
112

Todos nos preocupamos com questões cotidianas: trabalho, dinheiro, família … No entanto, aqueles que sofrem de um transtorno de ansiedade generalizada sua vida totalmente limitada por essa inquietação incontrolável. Felizmente, hoje, temos intervenções eficazes para lidar com esta doença.

O transtorno de ansiedade generalizada (TAG) envolve uma preocupação excessiva com uma ampla variedade de tópicos. A intensidade da ansiedade e a quantidade de elementos que a desencadeiam são os que caracterizam esse distúrbio.

Pessoas com TAG têm grande dificuldade em controlar sua preocupação. Eles também aparecem outros sintomas, como tensão muscular, dificuldade de concentração ou distúrbios do sono. Esse tumulto interno incessante acaba causando um grande desconforto e afetando pessoas em diferentes níveis e níveis.

O TAG geralmente começa na adolescência ou na idade adulta e tem um desenvolvimento gradual. Esse distúrbio é crônico e muitas pessoas sofrem de seus sintomas há anos antes de procurar ajuda. No entanto, existem vários tratamentos eficazes.

Tratamentos farmacológicos para transtorno de ansiedade generalizada

Benzodiazepínicos

o benzodiazepínicos São medicamentos sedativos e ansiolíticos. Eles provaram ser eficazes nos casos mais graves. Nesses casos, durante as primeiras quatro / seis semanas, alcançamos com a administração grandes melhorias nos sintomas somáticos e de ansiedade.

No entanto, com o tempo, eles geram tolerância e dependência, o que dificulta bastante sua retirada. Eles também causam muitos outros efeitos adversos, como sonolência, confusão, dificuldades psicomotoras e amnésia anterógrada.

Outras drogas

Inicialmente, antidepressivos tricíclicos foram utilizados para o tratamento do TAG, mas foram substituídos devido aos seus efeitos adversos. Hoje em dia inibidores da recaptação de serotonina e noradrenalina assumiram o controle, sendo considerados tratamentos de primeira linha para este distúrbio

Esses medicamentos também têm efeitos colaterais, como náusea, vômito, dor de cabeça ou problemas sexuais. No entanto, eles podem ser úteis, especialmente para pessoas que sofrem de transtorno do humor e TAG.

A pregabalina, por outro lado, tem uma ação rápida e eficaz. Após uma semana de tratamento com ela, os pacientes geralmente experimentam melhorias significativas em seus sintomas psíquicos e somáticos.

Tratamentos psicológicos para transtorno de ansiedade generalizada

Dentro de tratamentos psicológicos, terapia comportamental cognitiva é a que oferece os melhores resultados. Ele combina várias técnicas definidas abaixo:

Treinamento de relaxamento

Existem vários técnicas para ajudar a diminuir o nível de ansiedade e ativação. Entre eles, o relaxamento muscular progressivo é um dos mais interessantes, pois ensina a pessoa a detectar tensão em diferentes grupos musculares e diminuí-la.

Para maximizar sua eficácia, todas as técnicas de relaxamento requerem um tempo de treinamento. Em troca, eles são realmente eficazes para ajudar a pessoa a gerenciar sua ansiedade. Dessa forma, eles podem lidar com circunstâncias vitais de uma maneira mais apropriada.

Reestruturação cognitiva

Essa técnica tem como objetivo ajudar o paciente a modificar as crenças disfuncionais que o estão prejudicando. Ensina você a valorizar a veracidade de seus pensamentos e a procurar interpretações alternativas. Muitas vezes, os problemas surgem da incapacidade de pensar de forma flexível e objetiva. A maneira como nos sentimos é totalmente mediada pela interpretação que damos aos eventos.

Exposição

Um recurso de as pessoas com TAG são que usam a preocupação como um meio de evitar situações temidas. De alguma forma, quando se preocupam, sentem que estão controlando o que temem e, assim, evitam estratégias diretas de enfrentamento. Assim, é importante que a pessoa comece a se expor de maneira real aos seus medos, porque evitar só piora o problema.

Psicólogo com paciente

Tratamentos eficazes para transtorno de ansiedade generalizada

Em suma, podemos afirmar que a melhor alternativa terapêutica para GAD é psicoterapia comportamental cognitiva. É superior ao tratamento com medicamentos em eficácia e no tempo em que as melhorias são mantidas. Além disso, é livre de efeitos colaterais adversos. Isso sem esquecer que reforça o autoconceito e a auto-estima da pessoa, adquirindo ferramentas que você sempre pode usar para lidar com a ansiedade.

O tratamento medicamentoso pode ser útil, especialmente no início do tratamento. A rápida redução da ansiedade que eles recebem pode ajudar a pessoa a iniciar a psicoterapia em melhores condições. No entanto, não é aconselhável usá-los como um tratamento único ou de longo prazo.

Fonte

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here