Situação de aprendizagem: características, exemplos

0
977

A situação de aprendizagem consiste na realização de uma série de atividades organizadas e articuladas que um grupo de estudantes deve realizar em sala de aula para atingir determinados objetivos educacionais em um determinado período – semestral, trimestral ou anual – e sob diretrizes contextuais específicas.

As situações de aprendizagem requerem certos tipos de interações. Por exemplo, é provável que as conexões acadêmicas em grupo sejam estabelecidas entre os alunos ou que haja participação de pessoas externas, sejam elas representantes ou algum tipo de equipe correspondente à instituição educacional.

aprendizagemUma situação de aprendizado é composta de várias atividades articuladas entre si. Fonte: pixabay.com

Da mesma forma, para que uma situação de aprendizado se desenvolva com sucesso, é necessário incentivar a interação entre os alunos e as informações adquiridas através do uso de várias fontes, como fotografias, entrevistas, bibliografia, vídeos, observações, páginas da Web ou slides virtuais, entre outras.

Embora as situações de aprendizagem se desenvolvam principalmente na sala de aula ou na sala de aula, elas também exigem alguma interação com outros espaços ou ambientes, como laboratórios, empresas e organizações, instituições, obras de arquitetura, museus etc. Isso visa enriquecer a experiência acadêmica dos alunos.

Recomenda-se que a situação de aprendizagem seja vinculada a situações reais que se desenvolvem na vida cotidiana no campo social ou profissional. Você pode cobrir fenômenos, fatos, eventos ou processos cuja análise seja relevante para adquirir conhecimentos aplicados ao longo do ano acadêmico ou do curso.

Com isso em mente, pode-se estabelecer que uma situação de aprendizagem não funciona como uma simples lista de tópicos dos quais derivam certas atividades pedagógicas, mas envolve um processo mais complexo, organizado e dinâmico. Portanto, pode-se afirmar que uma situação de aprendizagem implica a busca de uma totalidade educacional bem-sucedida.

Uma situação de aprendizagem não pode ser constituída por um grupo de atividades desconexas: requer coesão obrigatória no material didático. As situações de aprendizado também não funcionam como ações genéricas individuais – sejam exposições, leituras ou discussões – mas requerem participação total.

Características

As situações de aprendizagem têm um conjunto de parâmetros e diretrizes que não apenas as tornam identificáveis, mas também permitem sua construção e aplicação nos sistemas educacionais. Essas características são as seguintes:

– Uma situação de aprendizado está intimamente ligada ao objetivo principal das aulas e ao aprendizado esperado.

– As situações de aprendizagem implicam necessariamente que os alunos devem estabelecer relações entre o que aprendem durante o curso e as experiências e aprendizagens anteriores.

– Eles se concentram nas atividades dos alunos e buscam promover o aprendizado por meio de suas próprias ações e tarefas.

– Cultivar valores grupais, pois promovem a construção de conhecimento e aprendizado grupal por meio de colaboração e tolerância.

– As situações de aprendizagem também têm como objetivo que os alunos ponham em prática o que aprendem.

– Uma situação de aprendizagem se concentra em manter contato com situações reais ligadas a profissões e empregos que são desenvolvidos no ambiente social da instituição acadêmica.

– As situações de aprendizagem têm o dever de contemplar e adicionar todos os recursos, ferramentas e materiais necessários para ajudar os alunos a refletir sobre o conhecimento adquirido.

Elementos

Segundo as teorias pedagógicas, os elementos de uma situação de aprendizagem podem ser divididos em dois ramos principais: eles podem ser estruturais ou dinâmicos.

Elementos estruturais

Esse aspecto enfoca dois aspectos essenciais das situações de aprendizagem. É sobre o organismo e o meio ambiente.

No primeiro caso, trata-se de estabelecer, dentro de uma situação pedagógica, quem é o protagonista, o autor e o destinatário dos resultados do ensino. Isso é muito importante porque todos esses elementos determinarão como será a dinâmica do ensino.

No segundo caso, refere-se às condições externas que influenciam diretamente a situação de aprendizagem, que também são determinantes para alcançar os resultados desejados.

Elementos dinâmicos

Essa divisão se refere aos elementos internos e externos que envolvem as atividades pedagógicas que serão desenvolvidas durante uma situação de aprendizado. Ou seja, esses são os elementos que dão dinamismo, coesão e eficácia às situações de aprendizagem.

Por exemplo, um elemento dinâmico pode ser a realização de uma atividade que requer uma visita a um museu ou também pode ser a execução de um debate em grupo no final de uma aula. Isso garante consistência dentro da estrutura da unidade de ensino.

Implementação

Para implementar uma situação de aprendizagem nas instituições de ensino, é necessário que o educador leve em consideração uma série de seções ou diretrizes que constituem a estrutura geral das situações de aprendizagem.

Essas seções garantem que a implementação seja bem-sucedida e proveitosa para os alunos. Abaixo estão as diretrizes mais importantes de uma situação de aprendizado:

identidade

A primeira coisa a fazer para realizar uma situação de aprendizado é identificar as informações que você deseja transmitir nas salas de aula e em outras instalações acadêmicas. Portanto, a situação de aprendizagem deve ter um grau e uma justificativa.

Do mesmo modo, nesta seção, o significado e o objetivo do aprendizado são justificados e justificados, expressando explicitamente suas intenções. Além disso, o objetivo dessas aprendizagens deve ser esclarecido, levando em consideração sua relação com o desenvolvimento de futuros currículos de estudantes.

Os objetivos da situação de aprendizagem devem estar localizados nos planos e projetos que o centro educacional desenvolve. O objetivo é promover a total cooperação da instituição e do respectivo pessoal.

Dados técnicos

Esta seção refere-se ao curso, estágio ou área em que a situação de aprendizado ocorrerá. É necessário que o educador tenha todas as informações correspondentes a esses dados, pois são elementos essenciais para o correto manuseio dos conteúdos pedagógicos.

Além disso, essa etapa deve perguntar se a situação de aprendizado será direcionada para várias áreas acadêmicas ou se somente poderá ser implementada em uma única disciplina ou cadeira.

O professor também pode optar por combinar diferentes áreas ou cursos, caso seja necessário ter mais apoio educacional.

Fundação do currículo

Nesta seção, o professor deve se referir às diferentes etapas do currículo escolar, como competências, conteúdo, objetivo de aprendizagem e critérios de avaliação.

Ou seja, você terá que desenvolver um esquema no qual possa visualizar de maneira concreta a base da situação de aprendizado.

Fundação metodológica

Nesta diretriz, é necessário que o instrutor especifique quais modelos de ensino serão usados ​​durante a situação de aprendizagem. Existem vários tipos de ensino e entre os mais comuns estão os seguintes:

Educação não diretiva

Nesse caso, os alunos são livres para explorar problemas e tomar decisões de acordo com critérios pessoais; isto é, não há intervenção do professor.

Diretiva de ensino

O ensino diretivo consiste no treinamento das habilidades e habilidades dos alunos. Para isso, é necessário realizar uma prática orientada que posteriormente permita a execução de uma prática autônoma.

Simulação

Nesse tipo de ensino, o professor usa simuladores cujo objetivo é treinar o comportamento do aluno e garantir que, em uma situação real, cada aluno saiba e possa agir da maneira apropriada.

Exemplo

Para exemplificar uma situação de aprendizagem, será seguido um esquema que estabelece os seguintes pontos: disciplina, disciplina, curso e situação de aprendizagem. Com isso, procuramos oferecer uma demonstração o mais semelhante possível aos utilizados em instituições de ensino.

Importam

Biologia.

Tema

Animais de sangue frio

Curso

Sexta série do ensino fundamental.

Situação de aprendizagem

Pretende-se projetar um vídeo mostrando as principais espécies de sangue frio. Posteriormente, será realizada uma visita guiada ao zoológico para que os alunos mantenham um contato mais direto com os animais. Durante esse passeio, eles tentarão identificar as espécies que consideram de sangue frio.

Um conjunto de leituras também será realizado com o objetivo de despertar os alunos. interesse na vida selvagem.

Depois disso, os alunos devem recriar uma situação real através da criação de um parque ecológico. Nesse parque, os alunos devem designar alguns colegas de classe que cuidam dos répteis e explicam as diferentes características desses animais, como comida, habitat principal, pele e respiração, entre outros.

Finalmente, cada aluno deve preparar como produto final um vídeo documentário no qual as ferramentas que foram concedidas durante as atividades anteriores são usadas. Esta avaliação visa verificar os alunos # 39; aprendendo sobre animais de sangue frio.

Referências

  1. Martínez, N. (s.f.) Design de ambientes de aprendizagem. Obtido em 10 de junho de 2019 de Professores e recursos de ensino: edumat.uab.cat
  2. Parra, S. (s.f.) Situações de aprendizagem e avaliação. Retirado em 10 de julho de 2019 de Revistas e citações: journals.comillas.edu
  3. S.A. (s.f.) O que chamamos de situação de aprendizagem? Retirado em 10 de julho de 2019 de Recursos do professor: resourcesprofesores.iteso.mx
  4. S.A. (s.f.) Orientação para o desenvolvimento de situações de aprendizagem. Retirado em 10 de julho de 2019 do Governo das Ilhas Canárias: Gobiernodecanarias.org
  5. S.A (s.f.) Ambientes de aprendizagem. Recuperado em 10 de julho de 2019 da Rede de Instituições de Ensino Superior com Centros Acacia: acacia.red

Fonte

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.