Remédios que apoiam o tratamento do hipotireoidismo

0
65

Quando a glândula tireóide apresenta um processo lento, ocorre hipotireoidismo. Hoje, trazemos 3 dicas aprovadas para apoiar seu tratamento.

O hipertireoidismo é a desaceleração da tireoide, essa glândula é de extrema importância para a saúde, pois existem hormônios envolvidos na regularização do metabolismo e outras funções do corpo.

Se a tireoide começa a apresentar um processo lento, pode perturbar todo o organismo, o que pode afetar o bom funcionamento de muitos órgãos. Pessoas com hipotireoidismo são freqüentemente afetadas por sua qualidade de vida.

É por isso que é muito
importante manter uma dieta equilibrada, eliminar
sedentarismo, tente se hidratar com pelo menos 8 copos de água
diariamente e evite o estresse, a ansiedade e as preocupações.

No mercado, existem muitos remédios que podem melhorar os sintomas causados ​​por essa condição, porém muitos preferem recorrer a outras alternativas naturais, que são menos invasivas.

Dicas para o
tratamento de hipotireoidismo

hipotireoidismo

Há muitos tratamentos que beneficiam a condição, o médico Endocrinologia estabelecerá a mais indicado após a verificação de exames de sangue e sintomas do paciente.

Pode complementar as indicações médicas, com as seguintes medidas.

Dose diária de selênio: Uma dose apropriada de selênio pode complementar a melhora no prognóstico do hipotireoidismo. Também pode melhorar as seguintes causas no hipotireoidismo crônico:

  • Redução Níveis de anticorpos
  • Melhoria de Ultra-som da tireoide.
  • Melhor qualidade da vida do paciente.
  • Atraso em lesão ocular em caso de orbitopatia (olho saltado).

Tenha em mente que o selênio não deve ser administrado sem a supervisão de um
especialista, você pode encontrar esse mineral de castanha do Pará, em termos de consumo deve ser: duas por dia

Suplemento de maca: Essa raiz de origem peruana, é consumida como alimento, atualmente é obtida em pó e usada como suplemento, pois fornece energia e regula hormônios. Existem vários tipos, o mocha amarelo é eficaz nos distúrbios da tireóide e durante a menopausa. Também combate o cansaço, um sintoma frequente de hipotireoidismo. Quanto ao seu consumo: Siga as indicações do produto em pó, é melhor começar com doses baixas e aumentar com o passar do tempo.

Cuidado com os bloqueadores de iodo: Evite alimentos que danifiquem a tireóide, descarte aqueles que contenham uma substância chamada goitrogênios, pois inibem a absorção de iodo, um mineral essencial para a boa saúde da tireóide. Dentro deles podemos encontrar:

  • Soja e seus derivados (tofu, salsa, tempe, lecitina, etc.).
  • Painço
  • o Crucífero: brócolis, couve-flor, couve, couve, rabanete e nabo.
  • Nozes como pinhões, amêndoas e amendoins.
  • Frutas: o morango, a pêra, o pêssego.
  • Mandioca e batata doce
  • A mostarda.
  • o espinafre.
  • As sementes de linho.

Lembre-se de todos os remédios que mostramos para hipotireoidismo podem
aumentar o tratamento, também observar uma melhora diária.
Também com apenas pequenas mudanças na dieta você contribuirá para melhorar a função da tireoide.

Fonte

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here