Melancia: vitaminas, benefícios e efeitos colaterais

0
232

Melancia

Neste artigo, veremos como a melancia não é apenas uma fruta deliciosa, mas também é boa por suas propriedades medicinais.

O que é isso?

Geralmente chamamos melancia ao fruto comestível da planta que também leva seu nome. É um fruto esférico de tamanho relativamente grande. Sua casca é verde e então eles têm uma camada branca para dar lugar a uma polpa vermelha suculenta que é a parte para o consumo.

Seu nome científico é Citrullus lanatus, mas é comumente chamado de melancia, melancia, costeletas, sindria ou melancia.

Sabe-se que existem mais de 50 variedades dessa fruta que atendem, entre outros aspectos, às diferenças entre sua forma e tamanho. E até existem alguns que têm sementes e outros não.

Vitaminas de melancia

A melancia é uma fonte considerável de elementos nutricionais. Entre eles, vitaminas.

Para começar, é uma fruta rica em vitamina C, poderoso antioxidante altamente valorizado hoje graças às suas propriedades conhecidas.

Mas o melhor do caso é que a vitamina C da melancia é combinado com uma alta proporção de beta-caroteno e licopeno, que fornece algumas de suas propriedades.

Para cada 100 gramas, contém 0,007 mg de vitamina B6, 33 µg de vitamina A, que representa 17% da dose diária recomendada, 0,1 mg de vitamina E e 5 mg de vitamina A. vitamina C, cerca de 20% da dose diária necessária.

Mais longe, contém tiamina, riboflavina, niacinae vários minerais, incluindo: cálcio, ferro, iodo, magnésio, zinco, parceiro, potássio, selênio e fósforo.

Como consumi-lo?

A melhor coisa sobre esta fruta é que ela pode ser consumida crua diretamente da maneira mais natural possível. De fato, seu tempo de digestão é mínimo.

Desse modo, é convertido em energia rapidamente disponível, pois seus nutrientes passam em muito pouco tempo para que o intestino delgado seja assimilado.

Além disso, pode ser consumido em combinação com outras frutas, sucos, smoothies e sobremesas. É tão fresco que não há melhor aliado para um verão quente ou alguns dias na praia.

Vamos ver algumas maneiras raras de consumi-lo:

Melancia com iogurte: é uma combinação deliciosa e saudável. Se você está de dieta, você nem precisa adicionar açúcar.

Melancia Em pico de gallo: Esta é uma receita deliciosa que mistura sabores contrastantes. A única coisa a fazer é preparar o pico de gallo, como de costume, e adicionar a melancia picada em pedaços muito pequenos.

Grelhado: Sim. Curiosamente, a melancia pode ser colocada na grelha ou na panela e muitos apreciam este prato de verão acompanhado de ervas finas e folhas de alface.

Sorvetes de melancia: É muito simples. Você apenas tem que cortar alguns cubos regulares e cobri-los com filme plástico, levá-los ao freezer e pronto! Um ótimo sorvete, rápido, delicioso e saudável.

Como fazer suco de melancia?

O suco de melancia é o mais fácil de preparar.

1º passo: a parte tediosa é remover as sementes, se você as tiver. Posteriormente, passamos a cortar em cubos.

2º passo: Para torná-lo homogêneo, é importante misturar o liquidificador. Se for para gosto pessoal, você pode adicionar um pouco de gelo.

3º passo: para adoçar, você pode usar um pouco de mel. Embora se a melancia estiver no ponto de amadurecimento, você não precisará adicionar açúcar de nenhuma fonte.

4º passo: Uma ótima idéia é combinar o suco de melancia com algumas gotas de suco de limão ou com folhas de hortelã. Também é possível usar um pouco de gengibre, que melhora o sabor e as propriedades refrescantes e medicinais.

Também é possível cozinhar suco de melancia. É feito em fogo baixo, sem ferver, mas o mais saudável é consumi-lo diretamente e liquefeito de fresco.

Propriedades de melancia

Proteção cardiovascular

A melancia possui altas quantidades de carotenóides sem atividade pró-vitamina, como luteína e licopeno.

Numerosos estudos associam o licopeno a um risco reduzido de doença cardiovascular. Entre outras coisas, reduz os níveis do chamado "colesterol ruim" no fluxo sanguíneo.

Diurético natural

Graças à sua impressionante quantidade de água em relação ao seu peso total, a melancia é uma fruta com propriedades diuréticas.

Inibição da síntese de substâncias nocivas

Inibe a oxidação da fração LDL-colesterol, bem como a síntese do colesterol endógeno.

Propriedades anti-inflamatórias

O licopeno e a citrulina, compostos presentes na melancia, foram estudados, confirmando que possuem propriedades anti-inflamatórias.

Benefícios da melancia

Graças às suas propriedades e componentes, tem inúmeros benefícios para o organismo humano.

Melhora a função renal

Graças às suas qualidades e propriedades como diurético, a melancia estimula a função dos rins, gerando um funcionamento mais eficiente.

Facilita a desintoxicação

O processo de eliminação de algumas toxinas e resíduos é através dos rins. Portanto, Ao estimular a função dos rins, também favorece o processo de eliminação de substâncias nocivas.

Protege contra alguns tipos de câncer

Graças aos seus componentes bioativos e carotenóides, foi relatada melancia cConforme apropriado para proteger contra o câncer de mama, faringe, colo do útero, pulmão e próstata.

Diminui a incidência de doenças do trato digestivo

A fibra e a água do MelanciaEm combinação com seus nutrientes, eles protegem o sistema digestivo de maneira integral. Da faringe, estômago, intestino, através do cólon e reto.

Serve para perder peso

A melancia é a fruta conhecida com o maior teor de água com base no seu peso. Portanto, sua ingestão de calorias é mínima e é ideal tirar proveito de alguns nutrientes e sais minerais sem as desvantagens de outras frutas que estimulam o ganho de peso.

Além disso, eles não têm gordura e suas funções como melhoradores do sistema digestivo reforçam esse benefício da melancia, tornando-a uma fruta ideal para perda de peso.

Melhora a saúde visual

Graças ao seu alto teor de vitamina A, consumo regular de melancia reduz o risco de doenças oculares e melhora a saúde visual geral.

Alivia dores após o exercício

o Melancia É uma das frutas favoritas dos atletas. Pode ser simplesmente por sua sensação refrescante Ou porque eles foram capazes de verificar se isso contribui para o alívio da dor muscular após as sessões de exercício.

Efeitos colaterais

Como possui alto teor de licopeno, pode causar distúrbios gastrointestinais levando a náusea, vômito, indigestão, diarréia e inchaço.

As pessoas que foram diagnosticadas com hipercalcemia ou excesso de potássio no sangue não devem comer muito. Pode ser bastante prejudicial, pois esta fruta tem um alto teor de potássio.

Nesse caso, pode causar distúrbios cardiovasculares, gerar pulsações fracas, batimentos cardíacos irregulares e até levar à parada respiratória, causando danos ao sistema nervoso e muscular.

Também pode causar insuficiência renal devido ao esforço que causa nesses órgãos.

Em pessoas com histórico de diabéticos, seu consumo deve ser limitado.

Por outro lado, pessoas com níveis baixos de pressão arterial devem evitar consumi-la, pois estimula a redução dos níveis de pressão.

Contra-indicações

Como alimento para consumo, esta fruta não representa grandes contra-indicações de toxicidade, no entanto, existem casos em que seu consumo não é recomendado, como:

Dor de estômago: seu alto teor de água dificulta o processo digestivo, portanto, não é recomendável consumir logo após as refeições em pessoas com distúrbios intestinais.

Muito menos nos momentos em que o indivíduo apresenta sintomas de dor de estômago, como diarréia ou vômito.

Hipotensão: como mencionado acima, o consumo do Melancia em pessoas com problemas de hipotensão.

Não é recomendado, pois isso estimula a diminuição dos níveis de pressão, causando sérios danos ao corpo, começando com a deterioração.

Na fase da gravidez: No caso de mulheres em fase de gravidez, elas poderão consumir melancia sem nenhum inconveniente para aproveitar seus benefícios.

Embora o consumo deva ser feito em doses adequadas sem exceder, também pode ser consumido no estágio de lactação.

Com o licor: Para a região da América do Sul, existe uma crença muito popular de que o consumo de melancia com licor pode causar sérios danos ao organismo.

Mas isso só permanece em um mito, já que na Europa existem vários coquetéis baseados nessa fruta misturados com licor.

À noite: Como é um alimento com propriedades diuréticas, não é recomendável consumir essa fruta à noite.

Assim, você interromperia o sono profundo porque teria que acordar várias vezes por noite para urinar.

Leitoso: Outro dos mitos mais famosos sobre a união desses dois alimentos é que o leite e a melancia são prejudiciais à saúde.

Também permanece um mito, embora essa mistura não seja recomendada, pois geraria uma grande quantidade de gases.

conclusão

Neste artigo, aprendemos que a melancia é uma fruta com uma grande quantidade de água e vitaminas biodisponíveis.

O que é isso muito benéfico para estimular a função renaEle pode ser um aliado dos atletas e do verão quente.

Também que não deve ser consumido em excesso, especialmente se você sofre de tensão, hipercalcemia ou diabetes.

Mais longe, É ideal para perder peso uma vez que não tem gordura e cumpre funções como um potenciador do sistema digestivo que reforçam.

Leia mais em: Melancia: Vitaminas, Benefícios e Efeitos Colaterais

Fonte

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here